LIVROS / BOOKS



Esse cabelo / Ajudar a Cair
Luanda, Lisboa, Paraíso
Pintado com o Pé / Colagem / Coragem / A Visão das Plantas / As Telefones
Regras de Isolamento
Maremoto / Os Gestos / Três Histórias de Esquecimento / Ferry / Toda a Ferida é uma Beleza

O que é ser uma escritora negra hoje, de acordo comigo







Esse Cabelo (2015) recebeu o Prémio Novos. Luanda, Lisboa, Paraíso (2018), história de Cartola e Aquiles, pai e filho, de Luanda a Paraíso, foi distinguido com o Prémio Oceanos, o Prémio Literário Fundação Inês de Castro e o Prémio Literário Fundação Eça de Queiroz. A Visão das Plantas (2019), últimos dias de Capitão Celestino, figura da infância de Raul Brandão, seria um dos vencedores do Oceanos, em 2020.

As Telefones (2020), finalista do Grande Prémio de Romance e Novela da APE, encena o drama acidentado e telefónico de Solange e Filomena, mãe e filha migrantes. Maremoto (2021), carta de Boa Morte da Silva, ex-combatente, à filha que não conheceu, foi finalista do Grande Prémio de Romance e Novela da APE, do Prémio Literário Fernando Namora, do Prémio PEN Clube Narrativa e do Prémio Literário Casino da Póvoa.

Ajudar a Cair, conto de um Verão com os habitantes do Centro Nuno Belmar da Costa, foi editado em 2017. Pintado com o Pé, antologia de ensaios e crónicas, saiu em 2019.

Colagem/Coragem (2020) e Os Gestos (2021) são ensaios-colagem, em diálogo com um repositório pessoal de leituras e imagens.

Regras de Isolamento, composição de texto e imagem, escrita com o escritor e fotógrafo Humberto Brito, durante o primeiro estado de emergência, sairia em 2020.

Em Três Histórias de Esquecimento (2021) reúnem-se A Visão das Plantas, Maremoto e Bruma. Os seus livros mais recentes são o romance Ferry (2022), Toda a Ferida é uma Beleza, com a artista Isabel Baraona, e O que é ser uma escritora negra hoje, de acordo comigo (2023).



Em 2023, Djaimilia recebeu o prémio FLUL Alumni, atribuído pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.


Djaimilia Pereira de Almeida: Tecelã de Mundos Passados e Presentes, editado por Sheila Khan e Sandra Sousa, acaba de ser publicado pela UMinho Editora.








Encontre os meus livros: / Find my books:

RELÓGIO D’ÁGUA EDITORES.
PENGUIN LIVROS.
TODAVIA.









Esse Cabelo (2015) received the Novos Award. Luanda, Lisboa, Paraíso (2018), the story of Cartola and Aquiles, father and son, from Luanda to Paradise, won the Oceanos Prize, the Inês de Castro Foundation Literary Award, and the Eça de Queiroz Foundation Literary Award, in 2019. A Visão das Plantas (2019) was a co-recipient of the Oceanos Prize in 2020.

As Telefones (2020), shortlisted for the Grande Prémio de Romance e Novela of the Portuguese Writers’ Association APE, stages the turbulent and telephonic drama of Solange and Filomena, migrant mother and daughter. Maremoto (2021), the letter from Boa Morte da Silva, colonial war veteran, to the daughter he never met, was shortlisted for the Grande Prémio de Romance e Novela APE, the Fernando Namora Literary Prize, the PEN Clube Narrativa Prize, and the Casino da Póvoa Literary Prize.

Ajudar a Cair, a summer in a community of people with cerebral palsy, was published in 2017. Pintado com o Pé, an anthology of essays and other texts, came out in 2019.

Colagem/Coragem (2020) and Os Gestos (2021) are essay-collages, in dialogue with a personal repository of readings and images.

Regras de Isolamento, a composition of text and images, written with writer and photographer Humberto Brito during the first pandemic lockdown, came out in 2020.

The trilogy Três Histórias de Esquecimento (2021) includes A Visão das Plantas, Maremoto and Bruma. Her most recent books are the novel Ferry (2022), Toda a Ferida É Uma Beleza, with artist Isabel Baraona and O que é ser uma escritora negra hoje, de acordo comigo (2023).

Djaimilia is the recipient of a 2023 FLUL Alumni Prize awarded by Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Djaimilia Pereira de Almeida: Tecelã de Mundos Passados e Presentes, edited by Sheila Khan and Sandra Sousa is out now from University of Minho Press.




Three Stories of Forgetting and Luanda, Lisbon, Paradise will soon be available in English from Farrar, Straus & Giroux.