Djaimilia Pereira de Almeida é escritora. Escreveu, entre outros, Esse cabelo, Três Histórias de Esquecimento e Ferry. Os seus livros estão editados em várias línguas. Recebeu o Prémio Oceanos 2019 e 2020, o Prémio Fundação Inês de Castro 2018 e o Prémio Fundação Eça de Queiroz 2019. Escreveu no New York Times, la Repubblica, Neue Zürcher Zeitung, Folha de S.Paulo, Lit Hub, Expresso, Revista Serrote, Common Knowledge, ZUM, entre outras publicações. Em 2019, foi uma das participantes da antologia de Margaret Busby New Daughters of AfricaDoutorou-se em Teoria da Literatura na Universidade de Lisboa. Nasceu em Luanda e cresceu nos subúrbios de Lisboa. Na Primavera de 2022, foi a escritora residente da Literaturhaus Zürich. Escreve a coluna Tema Livre, na revista Quatro Cinco Um, com imagens de Humberto Brito.


Djaimilia vem colaborando com artistas visuais. Escreveu Regras de Isolamento, com Humberto Brito, em 2021. Colaborou ainda com artistas como Marta Pinto Machado, entre outros. Em 2022, com Eugene Birman e Giorgio Biancorosso, escreveu para o Coro Gulbenkian a peça coral Os dias mais longos e os mais curtos.


Djaimilia Pereira de Almeida is a writer. She is the author of That Hair (Tin House, 2020), Luanda, Lisbon, Paradise and Three Stories of Forgetting. Her work is available in several languages. She has received several awards, including the Oceanos Prize, the Inês de Castro Foundation Prize and the Eça de Queiroz Foundation Award. Her work has appeared in the New York Times, la Repubblica, Neue Zürcher Zeitung, Folha de S.Paulo, Lit Hub, Expresso, Revista Serrote, ZUM, among other publications. Djaimilia is a contributor to Margaret Busby's 2019 anthology New Daughters of Africa. She holds a PhD in Literary Theory from the University of Lisbon. She was born in Luanda and grew up in the suburbs of Lisbon. In the Spring of 2022, she was the Writer in Residence at Literaturhaus Zürich. Her most recent novel is Ferry. She is a contributor to the Brazilian magazine Quatro Cinco Um.


Djaimilia has been collaborating with visual artists. She wrote Regras de Isolamento, with Humberto Brito, in 2021. Other recent collaborations include artists such as Marta Pinto Machado, among others. In 2022, with Eugene Birman and Giorgio Biancorosso, she wrote for the Gulbenkian Choir the choral piece Os dias mais longos e os mais curtos.



contacto
contact


para direitos internacionais, contacte, por favor:
for international rights, please write to:

Mertin Witt Literary Agency

Nicole Witt
n.witt[at]mertin-litag.de

para outras questões, contacte, por favor: 
for other inquiries, please write to:

Dois Um - Literary PR
dois.um.press[at]gmail.com

Imprensa:

Portugal
relogiodagua[at]relogiodagua.pt

Brasil:
Nathalia Pazini
imprensa[at]todavialivros.com.br
 




 

encontre os meus livros
find my books


Relógio D’Água
Todavia Livros
Tin House Books
Penguin Livros
Companhia das Letras
Lletra Impresa Edicions
Edhasa
La Nuova Frontiera
FFMSFFMS
Portugalský Inštitút
Unionsverlag


Tema Livre, a minha coluna na Quatro Cinco Um, com imagens de Humberto Brito.